Tarauacá encerra 9º Edição do Festival do Abacaxi com presença em peso da população no show do Amado


O encerramento da 9ª edição do Festival do Abacaxi e da Agricultura Familiar neste domingo, 09, contou com um público recorde e muita emoção com os maiores sucessos de Amado Batista, na Praça Alton Furtado, em Tarauacá (AC).


O festival teve início na sexta-feira, 07, com a disputa do Garoto e a Garota Abacaxi 2022, o Abacaxi mais pesado e o concurso de Gastronomia do Abacaxi, esses dois últimos realizados na noite deste domingo (10).


Além da montagem das barracas e tendas, o Festival teve um espaço para os produtores mostrarem a produção do município, com espaço para exposição de animais e um palco alternativo para os cantores locais.


O encerramento da programação contou ainda com apresentação indígena, artistas locais, regionais e o momento mais esperado: show do Amado Batista. Em sua fala, a prefeita Maria Lucinéia destacou as peculiaridades da cidade como o Abacaxi Gigante e exaltou o sucesso do Festival, que atraiu pessoas de diversos municípios do Acre.

“Agradeço o senhor por estar realizando um sonho de pessoas que se foram, mas ainda do que estão aqui. É emocionante esse sonho sendo realizado por gerações estou todo arrepiada porque aqui estão do jovem ao idoso feliz da vida”, afirmou a prefeita do município.


Segundo a prefeita, o resgate do Festival mostra a importância também de movimentar a economia e reaquecer o comércio de turismo, que foi bastante afetado pela pandemia da covid-19. A gestora destacou também o resgate da produção do abacaxi, que estava abandonado por gestões anteriores, em razão da falta de apoio técnico aos produtores rurais.


“A cultura em si do abacaxi estava esquecida e os próprios produtores não estavam mais produzindo. Agora a gente voltou com toda a energia, com toda força, abrindo ramais, incentivando com a parte técnica, cuidando mesmo do nosso produtor porque são eles que colocam a comida na nossa mesa. É do campo que vem a riqueza da cidade. Vocês viram aí a garota abacaxi e tantas outras meninas bonitas e homens bonitos também. Tarauacá é uma terra maravilhosa e uma cidade linda. Quem não conhece o nosso município, venha!”, afirmou a prefeita Maria Lucinéia.


O tradicional Festival do Abacaxi que é uma marca da cidade tem movimentado todas as áreas da sociedade tarauacaense. Para garantir um festival sem ocorrências, o município de Tarauacá recebeu os reforços de integrantes das forças de segurança da Polícia Militar do Acre (PMAC) de Cruzeiro do Sul e Rio Branco (AC).


O sucesso do Festival foi tão grande que todos os quartos dos hotéis do município foram lotados. O dono do maior hotel de Tarauacá, Neto Ferreira, mais conhecido como Neto do "ProLink", destacou a importância do evento e o alívio em ver novamente o público retornando aos atrativos do município, depois dos tempos amargos das restrições e queda no faturamento do setor.


“Para o festival nós estamos com a nossa cota de reserva esgotada. A média é entre 45 a 60 pessoas de acordo com os quartos que são de casal, solteiro ou de grupo que comporta até quatro pessoas”, afirmou.

Segundo o proprietário, a retomada dos eventos era muito aguardada, além da programação do Festival do Abacaxi, que contará com apresentação do show do Amado Batista, que tem uma carreira de mais de 40 anos de sucessos. “Qualquer evento influencia muito e, principalmente, o Amado Batista, que é um cantor renomado e para a cidade é muito importante porque gera muitos serviços na cidade, desde o pessoal da alimentação, táxi e hotel, além dos donos das barracas”, afirmou o empresário.


GAROTO E GAROTA ABACAXI - 2022


Os ganhadores do título Garoto e Garota Abacaxi foram os estudantes Isis Vitória de Araújo Santana, 20 anos, e o Ismael Hespanhol Oliveira, 23 anos, que levaram cada um prêmio de R$ 1.5 mil. O segundo lugar ficou com Nataliane Mourão, Thiago Alves e encerrando o pódio Camila Vitoria e Ivonilton Oliveira.

CONCURSO ABACAXI GIGANTE


O produtor rural Nica faturou o prêmio de R$ 7 mil pelo maior abacaxi do Festival que pesou 10,015kg, o 2º lugar ficou com o também produtor Nivaldo Carlos que faturou R$ 4 mil com 9,565 KG e encerrando o pódio com Cuca 9,515 KG que faturou R$ 3 mil. Os prêmios em dinheiro foram patrocínio do Sicredi Biomas.


CONCURSO GASTRONOMIA


Quem ganhou o concurso foi o cozinheiro Jucenildo Lopes de Araújo com uma sobremesa feita de abacaxi, que recebeu um prêmio de R$ 1.5 mil.


Fotos: Vitório Silva e Gurgel.