Tarauacá participa do 2º Seminário do Café Conilon Clonal


Nos dias 7 e 8 de dezembro, a Prefeitura de Mâncio Lima, por meio da Secretaria Municipal de Produção, o Sebrae no Acre e a Embrapa, com apoio da Universidade Federal do Acre (Ufac), e do Senar, realizam o 2º Seminário do Café Conilon Clonal de Mâncio Lima/AC.


O evento tem o objetivo de discutir as políticas agrícolas municipais, com enfoque na cultura do café, e conta com a presença de cerca de 70 produtores, dos municípios de Mâncio Lima, Feijó, Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Jordão e Rodrigues Alves. De acordo com o diretor de Administração e Finanças do Sebrae, Francinei Santos, a cadeia produtiva do café é uma das prioridades da instituição.


“A Câmara Técnica de Agronegócio elencou o café como uma cadeia produtiva e solicitou que o Sebrae fosse em cada um dos municípios para checar em que estágio está o desenvolvimento da cafeicultura, deixar diagnósticos, planos de ação e todas as ações de inovação e tecnologia parametrizados, para que eles possam dar o passo seguinte. Isso é de extrema importância, pois quando fortalecemos cada um dos municípios, conseguimos dar um salto de qualidade para a economia do estado do Acre”, disse o diretor.


Cerca de 10 produtores de Tarauacá e o secretário de Agricultura Narcélio Bayma participaram do Seminário do Café Conilon Clonal que será a nova cadeia produtiva.