top of page

Outubro Rosa: Secretaria de Educação incentiva servidoras a cuidarem da saúde e prevenir


Por: Flávio Santos-Assecom


A Prefeitura de Tarauacá, através da Secretária de Educação, desenvolve ações pertinentes com seus funcionários para a importância do combate ao câncer de mama. Nesta quinta feira, 21, o símbolo de apoio ao Outubro Rosa, o laço rosa foi entregue aos servidores da secretaria de educação que também receberam informações importantes sobre o câncer de mama.


O Outubro Rosa é um movimento internacional que visa ao estímulo à luta contra o câncer de mama. Essa ação iniciou-se em 1997, nos Estados Unidos, e foi ganhando o mundo como uma forma de conscientização acerca da importância de um diagnóstico precoce e de alerta para a grande quantidade de mortes relacionadas com essa doença.


Para a secretária Maria Lucicléia Nery é importante cuidar da saúde sempre, e ficar atenta aos sinais de algumas doenças que possam aparecer nas mulheres. “A luta contra o câncer de mama e outras doenças é de todas nós. Precisamos alertar a todas as mulheres para fazerem seus exames regularmente. Os casos ainda estão muito elevados, mas se cuidarmos e tivermos o diagnóstico cedo, pode se reverter essa realidade. Mulheres! Vamos nos cuidar”, conscientizou.

.

Para Cleuma Rocha da Costa, assessora pedagógica, enfatiza que ir ao médico sempre que possível, fazer auto-exame e acompanhar as orientações sobre a doença é importante:


“Já fui diagnosticada com câncer. Quero pedir às mulheres para que se cuidem. Já passei por isso, e sei o quanto é sofrido esse tratamento para a mulher e nossas famílias. Prevenir e fazer o auto-exame, são maneiras fáceis de combater essa doença”, enfatizou.


Orientações importantes acerca do Câncer:


Fazer a consulta ginecológica: É na visita anual ao ginecologista que a paciente recebe orientações sobre quais, quando e como fazer seus exames preventivos, sobre o uso de métodos anticoncepcionais, irregularidade menstrual, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e diagnóstico precoce do câncer.


Vacina do HPV: A vacina do HPV previne, além do câncer de colo de útero, outros tipos de tumores. Pelo SUS a vacina está disponível gratuitamente para meninas e meninos de 9 a 14 anos.


Prestar atenção aos sinais do corpo: Quanto mais atenta a mulher estiver em relação a qualquer sintoma persistente, maior a chance do diagnóstico precoce e, consequentemente, maiores as chances de sucesso do tratamento.


Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 2 milhões de mulheres são diagnosticadas com câncer de mama por ano. O câncer de colo de útero é a quarta causa de morte entre as mulheres no Brasil. O câncer de ovário é a segunda neoplasia ginecológica mais comum e a mais difícil de ser diagnosticada. O câncer de endométrio é o tumor ginecológico mais comum e acomete mulheres, principalmente, na pós-menopausa (75%) e com idade média de 60 anos (50-70 anos).